Por onde investir Corretora x Banco?

Eis a questão, por onde investir: corretora ou banco?

Para quem busca uma renda extra e até mesmo conseguir ter um bom ROI, os investimentos de bancos e corretoras, são ótimas opções, quando acompanhados e investidos do jeito certo!

Se você quer fazer investimentos e busca a melhor opção, saiba mais através desse artigo!

Em primeiro lugar, preciso destacar que se você quer fazer bons investimentos, é importante ser acompanhado ou pelo menos ter uma consultoria com quem entende do assunto!

Em todos os casos, se o seu desejo é fazer do jeito certo, será necessário ter um plano de investimento, de modo que você possa conduzir seus negócios capitais da melhor maneira!

Aí você pergunta assim: “Ok Cláudia, mas o melhor para mim seria o quê”?

Já digo!

Há GRITANTES diferenças entre corretora e banco e vou explicar!

Corretora

  • Na corretora você tem várias opções de investimentos com diferentes instituições financeiras.
  • Você também tem acesso as melhores ofertas, mesmo não tendo uma movimentação tão forte nos bancos.
  • Nas corretoras é possível encontrar maior rentabilidade, como exemplo: CDBs que pagam acima de 120%, ou CDI ou LCIs que pagam mais de 92%.
  • As corretoras possuem sites que tiram suas dúvidas no chat online. O atendimento também é diferenciado.
  • Quem tem menos capital, terá um atendimento mais generalizado.
  • Na corretora, todos os produtos oferecidos, são considerados como investimentos. Então, se você está iniciando, seria um bom passo começar por ela!
  • Geralmente as corretoras não cobram taxas para abertura de contas. Algumas inclusive, operam sem taxas quando há investimento no Tesouro Direto.
  • As corretoras incentivam os investidores a investirem na Bolsa de Valores.
  • As corretoras sobrevivem das taxas da corretagem e elas são variáveis – o que pode resultar em prejuízo, caso você não saiba operar da maneira correta.
  • Nas corretoras se exige fazer transferência para investimentos.

Banco

  • Os bancos costumam limitar as ofertas, se você for um empreendedor com renda limitada.
  • Já nos bancos, você só terá acesso a boas taxas, caso seja um investidor milionário.
  • Nem sempre o que os bancos oferecem, pode ser considerado de fato como bons investimentos. O que pode confundir você, que está começando agora nessa intenção de investir. Por exemplo, os títulos de capitalização não podem ser considerados como investimentos.
  • As transações feitas através dos bancos são mais fáceis e cômodas e não há necessidades de se fazer transferências.

Na verdade, na verdade, o melhor mesmo é manter uma conta no banco e outra na corretora e sempre que surgir um dinheiro extra, estar atento e comparar as propostas das duas para ver qual se enquadra melhor no motivador de recebimento pelo investimento feito!

Eu gostaria de te explicar melhor, mas não é  possível somente por esse artigo mas continua me acompanhando que estou sempre postando informações que possa te ajudar ou te convido a entrar em contato e com muito prazer poderei te orientar!

Portanto, não perca essa chance de ter encontrado essa matéria e fale comigo agora mesmo. Ficarei muito contente em poder te orientar da melhor maneira!

Vamos lá?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *